Chupando a buceta da vizinha mais velha

Essa é a minha experiência fazendo oral e aconteceu comigo há uns 3 anos, eu tinha 18 anos. Até então, eu nunca tinha chupado uma buceta na minha vida e nesse dia eu acabei chupando a buceta da vizinha.

Minha vizinha era uma mulher bonita, mais experiente e mais velha. Sempre ficava encarando ela da janela enquanto estendia as roupas no varal. O nome dela era Carla e sempre foi muito gentil comigo e com minha família, tanto que virou amiga da minha mãe e já almoçou algumas vezes aqui em casa.

Com os hormônios borbulhando na época, eu não conseguia não reparar no tamanho daqueles peitos e nas pernas bonitas que a Carla tinha. Já ficava doido só de lembrar, ainda mais quando encontrava ela usando uma saia ou um short bem curtinho. Tinha que ter muito controle.

Um dia, minha mãe perguntou se eu não podia ficar na casa da vizinha enquanto ela fazia o supermercado, já que a Carla tinha um filho de 12 ou 13 anos que gostava de jogar. Eu disse que sim e que seria legal passar um tempo por lá. Quando deu a hora e ela já tinha combinado com a nossa vizinha, entrei e fui direto para a sala.

Passei a tarde jogando com o garoto, mas ele estava bem cansado da aula, porque tinha feito umas provas na escola. Quando ele foi tirar um cochilo, a Carla chegou perto de mim e já veio me perguntando umas coisas estranhas, tipo se eu já tinha namorada ou se eu já tinha visto alguma mulher pelada.

Eu falei que namorei uma menina da escola por uns dois meses, mas que não deu certo e tudo o mais. Aí ela me perguntou o que eu achava de conhecer uma mulher de verdade. Já fui ficando meio tímido com aquela conversa, mas também estava curioso, porque conhecia bem aquela mulher.

Chupando a buceta da vizinha

Quando eu menos esperei, a Carla tinha tirado a roupa bem na minha frente. Fiquei preocupada do filho dela aparecer, mas ela disse que o menino tinha sono pesado e que aquilo não seria um problema. Fiquei um pouco mais tranquilo, mas ainda tava bem nervoso, principalmente por ter uma gostosa pelada na minha frente.

Ela me ensinou a dedar a buceta dela, mostrando onde era gostoso e como ela ficava molhada. Disse no meu ouvido que me imaginava comendo ela de noite e que andava muito carente. Realmente pensei que poderia comê-la, mas Carla só queria me provocar naquela tarde.

Depois que ela deitou no sofá, com as pernas abertas, me mandou chupar a buceta dela. Eu não tinha experiência nenhuma, mas Carla foi me ensinando, dizendo onde colocar a língua. Pra não gemer muito alto, quando eu olhei, ela estava mordendo uma almofada, segurando minha cabeça na buceta dela.

Não sei como, mas ela gozou e disse que eu era um bom rapaz, que tinha uma boca muito boa, mas era muito novinho e ela só estava com tesão. Nunca mais esqueci Carla, nem depois que ela casou e se mudou pra outra cidade. Enfim, foi a melhor experiência que eu tive, fui jogar videogame e terminei chupando a buceta da vizinha que era mais velha e teve paciência para me ensinar a chupar uma buceta da melhor maneira.

Chupando a buceta da vizinha mais velha
Chupando a buceta da vizinha mais velha