Chupada na praia

Meu nome é Amanda, eu tenho 26 anos e adoro ir pra praia. Sou morena, tenho 1,60m, uma cintura bem fina e seios bem generosos e houve um dia que levei uma chupada na praia. Costumo sair muito com as minhas amigas para beber e conversar, também para tomar sol. Gosto de deixar o meu corpo bem bronzeado, com aquela marquinha gostosa de biquíni.

Há um mês, fomos para uma praia super movimentada daqui do Rio de Janeiro e ficamos até o final da tarde, debaixo de uma barraquinha, comendo camarão e tomando umas caipirinhas muito gostosas. Conversa vai, conversa vem, vejo o homem mais bonito do mundo passando na faixa de areia.

Ele era bem alto, tinha um cabelo meio comprido, que chegava nos ombros, e usava um calção vermelho que marcava bem aquele volume. Fiquei admirada com tanta beleza, tanto que minhas amigas até me mandaram fechar a boca porque eu já estava praticamente babando em cima do cara.

Para minha surpresa, ele acabou me encarando de volta com um sorriso daqueles de molhar qualquer calcinha. Dei um sorrisinho meio sem graça de volta, mostrando que também estava interessada e minhas amigas me incentivaram a ir atrás dele. Levantei e puxamos conversa.

Descobri que o nome dele é Leandro e que mora no Rio Grande do Sul. Infelizmente é longe, mas ele estava passando umas férias pelo Rio e disse que iria demorar um pouco a voltar pra casa. Já fiquei mais aliviada, até porque um homem como aqueles não devia ser desperdiçado, mesmo que precisasse ir embora a qualquer momento.

Conversamos mais um pouco e ele me chamou pra um lugar mais reservado na praia. Era uma área com umas pedras mais altas e com pouquíssima gente. Só tinha algumas pessoas caminhando, mas de resto não dava para ver o local, tanto que o pessoal nem tomava tanto banho no lugar.

Chupada na praia

Acabamos nos beijando ali mesmo. Leandro tinha uma pegada incrível, já veio me puxando pela cintura, mordendo meu pescoço. Eu estava meio tensa, mas o perigo deixava as coisas cada vez mais excitantes, podia até sentir minhas pernas tremendo um pouco com o medo de alguém nos encontrar ali.

Ele foi descendo a mão pela minha barriga e empurrou os dedos pra dentro da minha bucetinha e ali começou a chupada na praia. Colocou dois de uma vez e ficou fazendo uns movimentos de vai e vem pra me deixar ainda mais molhada. A outra mão apertava minha bunda e eu já sentia aquele calor subindo.

Depois de um tempo, ele me segurou pelos ombros e me sentou em uma das pedras. Se ajoelhou na minha frente e tirou a parte de baixo do meu biquíni. Começou a me chupar, dando atenção pro grelinho e eu fiquei maluca, segurando no cabelo dele e olhando pros lados, tentando não gemer.

Ele alternou, depois de um tempo, a boca e os dedos. Nunca fiquei com tanto tesão em minha vida. Leandro sabia muito bem como chupar uma mulher. Depois desse dia, acabamos nos encontrando mais umas três vezes antes de ele voltar pra casa.

Chupada na praia e muita putaria
Chupada na praia e muita putaria